quinta-feira, 15 de novembro de 2018

GOVERNO DE CUBA QUER RETIRAR TODOS OS MÉDICOS CUBANOS DO BRASIL ATÉ O FIM DO ANO


O Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde (Conasems) informou nesta quinta-feira (15) ter sido avisado pela embaixada de Cubaque todos os médicos cubanos deixarão o Brasil até o fim do ano.

Nesta quarta (14), o presidente eleito Jair Bolsonaro informou que o governo cubano decidiu deixar o programa Mais Médicos por não concordar com testes de capacidade.

O Ministério de Saúde Pública de Cuba, contudo, informou ter tomado a decisão em razão de "declarações ameaçadoras e depreciativas" de Bolsonaro.

Segundo a Confederação Nacional dos Municípios, a saída dos médicos cubanos afetará mais de 28 milhões de pessoas que vivem em municípios onde só há medicos cubanos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário